Notícia

Dados de satélite podem ajudar na resposta direta a desastres naturais

Estudo cria reconstruções em 3D da superfície da Terra

USGS via Unsplash

Fonte

Universidade Estadual de Ohio

Data

terça-feira, 3 Maio 2022 19:05

Áreas

Ciência de Dados. Geociências. Geografia. Monitoramento Ambiental. Sensoriamento Remoto.

Pesquisadores desenvolveram uma maneira de usar dados de imagens de satélite para criar imagens 3D que podem detectar rapidamente mudanças na superfície da Terra. A ferramenta pode ser usada para detectar desastres naturais significativos em regiões remotas do globo logo após a ocorrência, fornecendo aos socorristas informações precisas sobre as necessidades da região afetada.

A constelação de satélites Planetscope, operada pela empresa de dados de satélite Planet, coleta semanalmente e às vezes até diariamente imagens de todo o globo. Em média, os satélites Cubesats, ou satélites em miniatura, tem cerca de 1.700 imagens de todos os locais da Terra. Os dados capturados podem ser usados ​​para monitorar a propagação de incêndios florestais, detectar mudanças nas plantações e pesquisar áreas de desmatamento.

O Dr. Rongjun Qin, coautor do estudo e professor de Engenharia Civil, Ambiental e Geodésica na Universidade Estadual de Ohio, nos Estados Unidos, disse que tipo de cobertura global é sem precedentes: “Há muitos benefícios em termos de satélites cobrindo o globo muito rapidamente. Estamos focados em informar a comunidade sobre as mudanças em nossas cidades, florestas e ecossistemas”.

No estudo, publicado na revista científica Journal GIScience and Remote Sensing, os pesquisadores descobriram que os vastos conjuntos de dados do Planetscope podem ser usados ​​para criar reconstruções 3D, ou modelos digitais de superfície, de qualquer área.

“O sensoriamento remoto pode nos ajudar a estimar a área afetada por um desastre natural. Poderíamos descobrir quantas pessoas enviar para operações de resgate e observar o nível de dano que esses eventos realmente criam”, disse o professor Rongjun Qin.

Estudos anteriores de desastres baseados em sensoriamento remoto eram limitados pela falta de dados e cobertura disponíveis e sua resolução, ou pela frequência com que as imagens são coletadas ou atualizadas.

Por exemplo, muitas pessoas estão familiarizadas com o Google Earth, que renderiza uma representação 3D do globo usando imagens de satélite e fotografias aéreas. Mas o programa popular é uma das razões pelas quais a equipe de Qin queria criar um modelo capaz de uma resolução ou taxa de atualização muito maiores: “Alguns lugares têm reconstruções em 3D muito boas. Mas há muitos lugares onde essas imagens são distorcidas”, disse o pesquisador.

Imagens puramente planas sobrepostas em um globo podem fazer com que objetos ou locais no mapa pareçam fora de escala uns com os outros e influenciar negativamente a precisão de todo o programa.

No entanto, as reconstruções 3D obtidas pela equipe de pesquisa, que levam em consideração diferentes níveis de elevação e paisagens, são precisas até cerca de 6 metros do solo. Em termos de dados de mapeamento, o Dr. Rongjun Qin disse que é como alcançar ‘quase aproximadamente a precisão de um pixel’.

Como os dados do Planetscope são de acesso aberto a educadores, outros cientistas podem usar os mesmos conjuntos de dados que o estudo usou para criar suas próprias simulações.

Acesse o artigo científico completo (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade Estadual de Ohio (em inglês).

Fonte: Tatyana Woodall, Universidade Estadual de Ohio. Imagem: USGS via Unsplash.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que  cadastrados no Canal Ambiental e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Ambiental, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2022 ambiental t4h | Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Meio Ambiente, Saúde e Tecnologias

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account