Manual

Guia de Orientação para o Manejo de Espécies Exóticas Invasoras em Unidades de Conservação Feder

Autor(es)

Ministério do Meio Ambiente

Publicado por

ICMBio

Ano de Publicação

(2018)

Resumo

Estudos do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) apontam que 48% das UCs federais possuem alguma espécie da fauna exótica. Atualmente, há 164 espécies exóticas invasoras em 158 UCs federais, sendo as mais invadidas as do bioma Mata Atlântica e Cerrado. São animais como cães, gatos, roedores, javalis, búfalos e peixe-leão e certos tipos de plantas herbáceas, bambus, gramíneas e palmeiras, que podem parecer simples, inofensivos e em muitos casos até fofos, mas também podem trazer um grande desequilíbrio ambiental em áreas criadas para a proteção da fauna e flora nativos. Neste contexto, o ICMBio lança o Guia de Orientação para o Manejo de Espécies Exóticas Invasoras em Unidades de Conservação Federais. A publicação foi capitaneada pelo Centro Nacional de Avaliação da Biodiversidade e de Pesquisa e Conservação do Cerrado (CBC) com o apoio de técnicos que trabalham com a temática em diversas UCs.
A essas espécies, que são introduzidas, em geral, por displicência do ser humano, é dado o nome de espécie exótica, pois não ocorrem nativamente naquele local. Quando elas se adaptam ao local e rapidamente se multiplicam, são consideradas invasoras.
A publicação traz o conjunto de aparatos legais como resoluções, portarias, instruções normativas, decretos, leis federais e até legislações internacionais sobre o tema. A seguir, o guia traz prevenção, detecção precoce e respostas rápidas para espécies exóticas e invasoras em UCs e por fim, um capítulo inteiro dedicado a espécies da flora e fauna com orientações de como identificar, meios de dispersão, o que fazer quando identificar as espécies na UC, métodos de controle e erradicação, além de sugestões de protocolos de monitoramento já existentes.

Acesse o Manual

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que  cadastrados no Canal Ambiental e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Ambiental, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

2022 ambiental t4h | Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Meio Ambiente, Saúde e Tecnologias

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account